labtest
A Labtest é a maior indústria brasileira de diagnóstico in vitro e parceira Enzipharma.

O Labmax Plenno é um analisador automático para testes bioquímicos, imunoquímicos (turbidimétricos). Moderno e versátil, ele é sua opção de mudança inteligente e do tamanho certo para o seu laboratório.

LabTest CS240 - Analisador de Bioquímica e TurbidimetriaO analisador automático CS-240 é um equipamento de piso ideal para aumentar a velocidade de processamento da rotina laboratorial. Possui ótimo custo-benefício e gera resultados confiáveis.

A Labtest apresenta o SDH-20, contador de células sanguíneas. Rápido, ele processa até 67 amostras por hora e libera hemograma com 20 parâmetros, utiliza apenas dois reagentes e realiza a aspiração de amostras de sangue colhidas em micropipetas.

O SDH-20 é de fácil operação, com display touch-screen e armazena resultados de até 1.000 pacientes. Com corpo em aço inox, design moderno e compacto, é a opção ideal para o seu laboratório.

O Labmax 560 é um analisador de alta performace e produtividade, para testes bioquímicos e imunoquímicos. Sua tecnologia proporciona robustez, segurança e qualidade às rotinas laboratoriais.

O equipamento perfeito para o laboratório que quer conquistar seu espaço.

O compacto de alta performance. Esse é o Labmax 240, um analisador para testes bioquímicos e imunoquímicos que garante produtividade e qualidade às rotinas laboratorais.

cs400

O CS-400 é um analisador de piso robusto e totalmente automatizado que proporciona um salto de qualidade na rotina do laboratório. O ciclo fixo de reação permite a realização de 400 testes fotométricos com a máxima eficiência.

O LABMAX 100 foi projetado para atender as necessidades dos laboratórios de menor rendimento, e uma ótima opção para pequenas rotinas do Laboratório. Confira as características:

Conheça o SDH-5, nova solução hematológica com diferencial de 5 partes. Equipamento de fácil operação, com display touch-screen de 10.4 polegadas. Opcional para Autosampler com homogeneizador e leitor automático de código de barras. Processa 60 amostras/hora, liberação de hemogramas com 24 parâmetros e contagem diferencial de 5 partes para leucócitos.

O Uriquest R500 é um analisador semi-automático desenvolvido para medir fotometricamente a tira de urina Uriquest com confiabilidade. É a opção ideal para eliminar a subjetividade inerente da leitura visual.

Sistema enzimático para a determinação da uréia por fotometria em ultravioleta usando cinética de dois pontos (tempo fixo). Aplicação manual, semi-automática e automática. Metodologia Enzimático UV.

Apresentação: R1: 4 x 40 ml / R2: 4 x 10 ml / Padrão Incluído
Princípio: A uréia é hidrolisada pela urease produzindo amônia e dióxido de carbono. A amônia reage com 2-cetoglutarato e NADH em uma reação catalisada pela glutamato desidrogenase (GLDH), promovendo a oxidação do NADH e a NAD. A consequente redução da absorbância medida em 340 nm é proporcional à concentração de uréia na amostra.
Informação Técnica: Temperatura de armazenamento: 2 - 8 graus. Linearidade: 300 mg/dL. Comprimento de onda: 340 nm.

Tiras reagentes para a determinação semiquantitativa rápida de glicose, corpos cetônicos (ácido acetoacético), sangue, pH, proteína, nitrito e leucócitos na urina de animais domésticos.

Apresentação: 100 Fitas
Princípio: Uriquest é constituído por um suporte plástico que contém 07 áreas impregnadas com reagentes químicos. Quando as áreas de química seca entram em contacto com a urina, há desenvolvimento de uma reação colorimétrica.
Informação Técnica: Foi retirada a 3 parâmetros -> Densidade, Bilirrubina e URB. Para maiores informações, entre em contato com o departamento de veterinária de nossa empresa. Temperatura de armazenamento: 2 - 30 graus.

Sistema para a determinação em modo cinético da fosfatase alcalina no soro. Aplicação semi-automática e automática.

Apresentação: R1: 4 x 24 ml / R2: 4 x 6 ml

Princípio: A fosfatase alcalina (FALC) do soro, em ph alcalino, hidrolisa o p-nitrofenilfosfato liberando p-nitrofenol e fosfato inorgânico. A quantidade produzida de p-nitrofenol que tem elevada absorbância em 405 nm é diretamente proporcional à atividade enzimática da fosfatase alcalina na amostra.

Informação Técnica: Temperatura de armazenamento: 2 - 8 graus. Linearidade: 1.500 U/L. Comprimento de onda: 405 nm.

Sistema para a determinação da Alanina Amino Transferase (ALT) ou Transaminase Glutâmico Pirúvica em modo cinético (TGP). Aplicação manual, semi-automática e automática.

Apresentação: R1: 4 x 24 ml / R2: 4 x 6 ml / R3: 1 x 1,5 ml

Princípio: A ALT catalisa especificamente a transferência do grupo amina da alanina para o cetoglutarato, com formação de glutamato e piruvato. O piruvato é reduzido à lactato por ação do lactato desidrogenase (LDH), enquanto que, a coenzima NADH é oxidada a NAD. A redução da absorbância em 340 nm, consequente à oxidação da coenzima NADH, é monitorada fotometricamente, sendo diretamente proporcional à atividade da ALT na amostra.

Informação Técnica: Temperatura de armazenamento: 2 - 8 graus. Linearidade: 3,5 a 400 U/L. Comprimento de Onda: 340 nm. Para calibração indicamos o uso de calibrador protéico de Calibradores Veterinários Labtest.

Sistema para a determinação de creatinina em soro, plasma, urina e líquido amniótico por cinética de dois pontos. Aplicação semi-automática e automática.

Princípio: A creatinina reage com o picrato alcalino formando um complexo de cor vermelha. A quantidade da cor formada é proporcional à concentração de creatinina (não corrigida) da amostra. Metodologia (Picrato Alcalino - Jaffé)
Informação Técnica: Armazenamento: 15 - 30 graus. Linearidade: 0,2 a 12 mg/dL. Comprimento de onda: 510 nm (490 - 520 nm).
Apresentação: R1: 1 x 240 ml / R2: 1 x 60 ml / R3: 1 X 5 ml
Finalidade: Determinação quantitativa da Creatinina em amostra de soro, plasma, urina e líquido amniótico por reação cinética de dois pontos. Aplicação semi e automática.

Sistema enzimático para a determinação da glicose no sangue, líquor e líquidos ascíticos, pleural e sinovial em método cinético ou de ponto final. Aplicação manual, semi-automática e automática. Metodologia GOD-Trinder.

Apresentação: R1: 1 x 500 ml / Padrão Incluído
Princípio: A glicose oxidase catalisa a oxidação da glicose. O peróxido de hidrogênio formado reage com 4-aminoantipirina e fenol, sob a ação catalisadora da peroxidase, através de uma reação oxidativa de acoplamento formando uma antipirilquinonimina vermelha cuja a intensidade de cor é proporcional à concentração da glicose na amostra.
Informação Técnica: Temperatura de armazenamento: 2 - 8 graus. Linearidade: 500 mg/dL. Comprimento de onda: 505 nm (490 - 520 nm).

Sistema para determinação da Albumina em amostras de soro por reação de ponto final. Aplicação manual, semi-automática e automática.

Principio:A Albumina tem a prioridade de se ligar à uma grande variedade de ânions orgânicos e moléculas complexas de corantes. O sistema de medição se baseia no desvio do pico de absortividade máxima de um corante complexo (verde de bromocresol) quando este se liga à albumina.

Informações Técnicas
Temperatura de armazenamento:
entre 2 e 8°C
Apresentação: R1 1 x 250 mL

Sistema para determinação quantitativa da Imunoglobulina E (IgE) total em amostras de soro ou plasma.
Aplicação automática.

O kit de Creatinina Enzimática é mais estável, se comparado aos kits tradicionais, além disso, seu método elimina o erro sistemático constante, introduzido pela interferência de proteínas plasmáticas e outros cromógenos, muito comum nos métodos diretos que utilizam a reação de Jaffe.

Cistatina C á mais uma novidade para compor a linha Labtest de marcadores renais. Mais sensível que a creatinina sérica, a Cistatina C Labtest é um excelente indicador da taxa de filtração glomerular que detecta precocemente as lesões renais.

A Homocisteína é um importante marcador para detecção do risco de doença cardíaca isquêmica (DCI) e acidente vascular cerebral (AVC). Além disso, auxilia no diagnóstico do déficit de vitaminas B12 ou de folato.

O método enzimático do kit Labtest é altamente sensível e o teste é facilmente aplicável em analisadores automáticos e semiautomáticos de bioquímica. O método também permite a utilização da amostra sem tratamento prévio e é uma opção econômica comparado a outros métodos.

Sistema enzimático para determinação da Glicose por fotometria ultravioleta ponto final em amostras de sangue, urina, líquor e líquidos ascítico, pleural e sinovial. Aplicação manual, semi-automática e automática.